02/02/2011

Uma simples expressão...

Ultimamente tenho pensado poeticamente... Não que eu seja poeta, mas simplesmente encontrei uma maneira de me expressar. Não pretendo nada com isso, nada além de dizer o que penso e sinto de outra forma.
Parafraseando Viviane Mosé: " A maioria das doenças que as pessoas tem são poemas presos..."
Então quero cuidar de meus poemas bem soltos, mesmo que sejam palavras tortas...





Às vezes sonho com um mundo diferente...

Será que sou muito exigente?


Quero um mundo onde um abraço e um afago
Não signifiquem algo mais além,


Quero um mundo onde as pessoas tenham a coragem de serem elas mesmas
Poder olhar nos olhos, poder olhar dentro de si


Quero poder dar as mãos e confiar
Saber ouvir e saber calar.


Quero um mundo...
Onde cada um se responsabilize por toda tristeza ou alegria, doença ou saúde
Que causou a si mesmo


Quero um mundo de compaixão e ajuda mútua
Sem que para isso se roube a vida de alguém


Quero que nesse mundo caibam todas as pessoas...
 sensíveis e bem humoradas
E principalmente as bem-amadas!


Por si mesmas e por alguém.


Carol Magri


02/02/11

2 comentários:

  1. Que lindo minha flor!
    Continue assim, com estes poemas soltos...tbm quero um mundo assim...
    Beijinhos.

    Flores e Luz.

    ResponderExcluir
  2. Tambem quero fazer parte deste mundo.

    ResponderExcluir